A Psicoterapia Reencarnacionista

A Psicoterapia Reencarnacionista - PR

A Psicoterapia Reencarnacionista (PR) é uma escola psicológica bastante recente, que agrega a filosofia de Vidas Passadas à melhora de questões no presente, relacionadas aos aspectos biopsicossociais, espirituais e afetivo-relacionais. Utiliza a Regressão como ferramenta para alcançar tais objetivos.

Se propõe a ressignificar aspectos vivenciados desde a infância, sob o olhar das características da Personalidade congênita (um padrão comportamental repetitivo, trazido ou vivido em outras vidas.

A PR nos auxilia a lembrarmos que somos seres puros e perfeitos, a termos a consciência do todo à nossa volta e, com isso, a buscar a melhor forma de aproveitarmos nossa encarnação atual.

A PR é uma criação do Mundo Espiritual e começou a ser transmitida para o Dr. Mauro Kwitko, médico homeopata, a partir de 1996, na cidade de Porto Alegre/RS, Brasil.

Como se dá o tratamento da Psicoterapia Reencarnacionista

O tratamento consiste de consultas terapêuticas e sessões de regressão, que podem ser semanais ou quinzenais. Em geral, de 12 a 15 encontros são suficientes.

Nas consultas terapêuticas são abordadas informações sobre o que é a PR; identificação das Personalidades Congênitas; temas relacionados à melhor compreensão das características da pessoa a ser tratada; as ressignificações de sua história de vida, após descobertas oriundas das Regressões; etc.

As sessões de Regressão são realizadas com a pessoa consciente, porém em um estado de relaxamento profundo. As regressões possibilitam o acesso a conteúdos inconscientes que podem estar atrelados à vida atual ou às encarnações passadas. Geralmente 06 sessões de Regressão, intercaladas com as consultas, são suficientes para se atingir os principais objetivos da PR.

Os 04 Pilares da Psicoterapia Reencarnacionista

  1. Versão Persona x Versão Espírito (Raciocínio x Contra-Raciocínio)

A versão Persona é a concepção do ser humano vinda de uma única existência. É o olhar pautado no que aprendemos e experienciamos desde que saímos do ventre de nossas mães. Os medos, traumas, sentimentos negativos, entre outros sintomas, são compreendidos a partir das experiências vividas somente nesta encarnação atual.

A versão Espírito já traz a concepção das vidas passadas interferindo diretamente nos sintomas negativos que apresentamos nesta encarnação. Ou seja, podemos estar ligados às emoções e sentimentos que vivemos em outras vidas.

  1. Personalidade Congênita

As Personalidades Congênitas são características da nossa personalidade que formamos ao longo de nossas encarnações. São as formas de pensar, agir e expressar que trazemos de outras vidas.

  1. A Ilusão dos Rótulos

O que se chama de Ilusão dos Rótulos pressupõe que não somos o que aparentamos ser. Nós estamos nesta vida como homem ou mulher, como um determinado pai ou mãe, como uma determinada profissão... e assim por diante. Somos seres eternos evoluindo neste planeta! Quando se compreende este aspecto, a forma de ser no mundo muda. A pessoa passa a enxergar suas relações sob outro ponto de vista.

  1. Finalidade e o Aproveitamento da Encarnação

Este pilar trata da importância de entendermos os motivos pelos quais reencarnamos, para que possamos trabalhar em nossa evolução espiritual. Viemos a um plano inferior (planeta Terra) porque temos características inferiores a serem melhoradas. Estas características são identificadas em situações quotidianas em que nos deparamos com sentimentos negativos frente a determinadas situações.

Alphaville - Barueri / SP

São Roque - / SP